Mel Português e Sustentável! Esta é a história da Beesweet

Falámos com a Ana Pais, CEO da Beesweet, uma empresa portuguesa que cria mel 100% português, produzido de forma artesanal e com uma preocupação ambiental fortemente associada.

PLANETIERS: Sempre tiveste a certeza que querias trabalhar nesta área? Fála-nos um pouco sobre o teu percurso.

ANA PAIS: Não, de todo! Quando estava a estudar não tinha ideia de que, no futuro, viria a criar uma empresa de mel. A minha formação inicial é em gestão turística e trabalhei seis anos na área de hotelaria. Apesar de a minha família estar familiarizada com a apicultura, nomeadamente o meu avô, nunca imaginei que um dia viria a trabalhar nesta área!

Este meu interesse pelo mel e pelas abelhas começou na fase em que estava a trabalhar no Algarve e em que fui mãe. Como a minha família é do Norte, decidi dedicar-me à maternidade e regressar a casa. Foi neste regresso que comecei, em conjunto com as minhas primas, a falar mais sobre o que gostaríamos de fazer, os nossos sonhos e foi aí que o bichinho das abelhas despertou.

Beesweet mel biológico

Precisamente nessa altura foi quando o meu pai regressou da Alemanha e decidiu fazer obras em casa. Foi nessa altura que descobrimos vários materiais apículas que nos despertaram a curiosidade e nos fizeram querer saber mais. Neste processo de aprendizagem trabalhei com alguns apicultores da região, indo para o terreno para aprender mais sobre o processo e ficar mais familiarizada com a apicultura.

Durante esta fase compreendi que era mesmo aquilo que queria fazer, todo o processo de por mãos-à-obra, ir para o terreno, foram um sinal de que era este o caminho a seguir.

PLANETIERS: Qual a principal missão da Beesweet?

ANA PAIS: A Beesweet nasce com o intuito de ser uma empresa internacional que disponibiliza um produto inovador, orgânico e diferenciador. O nosso mel aromatizado, produzido através de processos artesanais e com o complemento do design das embalagens e da sua envolvente é o que torna o nosso produto “More than Honey”.

Sempre aliado a este processo, a nossa missão também se define pela preocupação com a sustentabilidade, ecologia e proteção das abelhas. Sabemos que este projeto só é possível tendo em consideração a importância das abelhas e produzindo o mel de forma mais natural e sustentável possível.

Mel biológico beesweet

Desde o início e com a nossa certificação B Corp, queremos vincar bem o nosso propósito: Despertar as mentes sobre o quanto é importante proteger as abelhas. Damo-nos conta de que as pessoas não estão sensíveis à causa, que não há preocupação em entender o quão importantes são as abelhas como seres polinizadores e o quanto o ser humano é dependente delas.

Neste sentido, a Beesweet procura fazer sensibilização para este assunto, promovendo ações de sensibilização em escolas e incentivando as camadas mais jovens a interessarem-se por este tema.

PLANETIERS: Quais foram os principais desafios que encontraram na expansão do projeto?

ANA PAIS: Apesar de já estarmos presentes em 7 países, um dos grandes desafios que nos acompanha é a internacionalização da marca. Ao longo destes anos temos percorrido um caminho de muito trabalho, cliente a cliente, país por país, e um dos grandes desafios é estabelecermo-nos como o principal fornecedor de mel premium no mundo, preservando sempre a vertente ambiental e divulgando o melhor mel do mundo que é o mel português.

Outro dos desafios presentes é a uniformização da marca com os fornecedores. Por vezes é difícil encontrar fornecedores que tenham o mesmo alinhamento que nós e que consigam dar resposta aquilo que é a nossa visão. Felizmente, a preocupação ambiental é cada vez maior e temos conseguido superar este desafio.

Gostaram de conhecer mais sobre a Beesweet? Se ficaram com curiosidade em provar este mel 100% português, podem encontrá-lo aqui.

Dica Planetiers: Fica a conhecer o Bee’s Wrap, um produto da Beesweet e uma excelente alternativa ao plástico desnecessário :) #plasticfreejuly

1 comentário

  • O mel Beesweet é mais que mel porque para alem de um óptimo adoçante natural, é saudável e pode ser utilizado de forma dinâmica na Gastronomia Portuguesa!
    Obrigada Planetiers!

    Ana Pais

Deixa-nos um comentário

Nome .
.
Mensagem .

Tenha em atenção que os comentários precisam de ser aprovados antes de serem exibidos